domingo, 30 de junho de 2013

Review: Marie Dolls - Desires My Fall


Por Pedro Humangous.

Nunca fui preconceituoso e ouço numa boa qualquer estilo, mesmo aqueles fora da linha do Metal. Renata Petrelli (ex-Hellarise) entrou em contato comigo e gentilmente me enviou uma cópia de sua nova banda, a Marie Dolls. Também formada somente por mulheres, o grupo despeja sua fúria através de um Rock básico, mas cheio de energia e muita honestidade. As quatro faixas aqui apresentadas servem muito bem como trilha sonora de um filme (naquelas típicas cenas de carros percorrendo estradas americanas pelo deserto). “Face Me Beg Me” começa bem, com uma introdução mais calma e bastante interessante. Nesse momento podemos conferir o talento da vocalista Katherine Roiz, que possui um belo timbre. A bateria ficou um pouco estranha, meio abafada e com um pouco de eco (principalmente a caixa). Senti que nessa faixa faltou um pouco mais de punch, coisa que já podemos sentir na sequência com “Desires My Fall”, com um riff de guitarra mais sujo e acompanhado de um solo inspirado. “True Belief” é o grande destaque desse EP, criando uma atmosfera bem legal com os teclados e aproveitando melhor as ideias,  dando uma cara mais profissional ao som – se pudesse dar uma dica pras meninas, diria para seguirem nessa linha de composição. A última faixa se chama “Deseja Meu Mal”, que é a versão em português para a música que leva o mesmo nome do EP. No fim, as músicas divertem e caem como uma luva para aqueles momentos de descontração com os amigos, jogando uma sinuca e bebendo umas boas cervejas. É fato que precisam de uma lapidada no som, na qualidade de gravação, mas mostraram que não entraram no jogo pra brincar e querem chegar mais longe. O primeiro passo foi dado e muito bem sucedido! Nota: 7,0


Lineup:
Katherine Roiz - Vocals
Renata Petrelli - Guitars
Michelle Campos - Bass
Dany Diniz – Drums
Contato: mariedollsband@gmail.com
Facebook: http://www.facebook.com/MarieDolls
Reverbnation: http://www.reverbnation.com/Mariedolls

Um comentário:

  1. Muito boa mesmo a banda, com certeza tem um brilhante futuro.

    ResponderExcluir